E agora… Como contar?

Quem casa, quer casa e não pensa em separação. Mas quando ela se torna inevitável, como contar para os filhos quando estes ainda são pequenos?

Flanando pela sessão infantil de uma  livraria em Salvador, encontrei dois livros que abordam esse tema tão delicado e espinhoso.

Estavam colocados lado a lado na estante com as capas visíveis, e suas bonitas ilustrações, apesar de possuírem estilos bem diferentes, me atraíram.

No livro “A separação” de Pascale Francotte as cores das gravuras são sóbrias e esfumaçadas. A história é contada por um menino que amedrontado sente a chegada de algo assustador, como uma tempestade.

No livro “Papai e mamãe viraram amigos” de Maeve Vida, também é uma criança que conta  porque é que seus pais se separaram, mas aqui as ilustrações são alegres e muito coloridas. Desde o início percebe-se a existência de uma rede de segurança: o Amor. Este livro inspira-se nos princípios da Yoga, de uma vida saudável e equilibrada.

Ambos os livros procuram ajudar, pais e filhos, a fazer esta travessia a menos sofrida possível. Mostrando que o afeto incondicional jamais deixará de existir, mas que a partir de agora terá que ser dividido e  encontrado em duas casas diferentes.

  A separação

Pascale Francotte

Edições SM – Comboio de Corda

R$ 32,00

  Papai e Mamãe viraram amigos

Maeve Vida

Omnisciência – coleção vencendo desafios

R$ 20,00

%d blogueiros gostam disto: