Gatos, gatinhos e flores

No horóscopo chinês, 2018 é o ano do cão. Para mim, em termos literários, este tem sido o ano do gato. Explico

Numa das visitas que fiz à livraria, uma vendedora recomendou-me vivamente o livro Sobre gatos, da escritora inglesa Doris Lessing.

Em um post anterior, comentei que não sou uma apaixonada pelos felinos, e por essa razão declinei a sugestão.

No entanto, a conversa sobre gatos fez-me lembrar de ter em casa um livro de capa bonita, que também abordava esse universo: Relatos de um gato viajante.

 Imperturbável, ele aguardava – escondido no meio da pilha que não para de crescer – pelo momento certo em que eu lhe daria atenção.

Acredito sinceramente que é o livro que escolhe quando deseja ser lido pelo leitor, e não o contrário. A hora de ler Relatos de um gato viajante havia chegado.

A história, narrada pelo próprio gato, começa quando ele é atropelado por um carro, sendo depois resgatado por um jovem solitário.

Para quem estava habituado a viver nas ruas e sempre prezou a liberdade não foi fácil aceitar a vida doméstica. Mas, como tudo na vida, existem as compensações. Aos poucos estabeleceu-se uma convivência harmoniosa entre Nana o gato, e Satoru o humano.

Tudo parecia ir muito bem, até que um dia Satoru e Nana iniciam uma viagem pelo Japão para encontrar, entre os amigos do primeiro, alguém que pudesse ficar com o animal.

Reconheço que no inicio levei a leitura de Relatos de um gato viajante de uma maneira um tanto ou quanto despreocupada. Era uma leitura agradável fazendo um contraponto à anterior que tinha sido mais densa. No entanto, à medida que a trama avançava, envolvi-me numa história sutil e emocionante que encheu meus olhos de lágrimas, como não acontecia há muito tempo.

Nova visita à livraria, nova descoberta. Jogado displicentemente, como se tivesse sido descartado por outro cliente, encontrei um gatinho aninhado no meio de flores.

Folheei O gato e as orquídeas e foi amor à primeira vista. O livro possui o formato de um quadradinho, tendo cada lado não mais de dezessete centímetros. O interior é composto de quarenta delicadas aquarelas, que retratam as paixões da ilustradora Kwong Kuen Shan.  Cada desenho é acompanhado por um poema, provérbio ou trecho de clássicos chineses, como este pensamento bem felídeo:

Às vezes deito e durmo,

Às vezes deito e bocejo,

Na maioria das vezes, só deito e vivo

Pois estar vivo é a maior dádiva de todas.

Curiosamente, hoje de manhã, entreouvi na seção de frutas do supermercado a conversa de dois funcionários. Um criticava os comentários sarcásticos feitos por um colega: “ele é um cara muito felino”.

A frase pinçada no ar fez-me sorrir, e soou como um sinal de que talvez estivesse na hora de dar uma chance às páginas de Sobre Gatos, inicialmente rejeitadas.  Quem sabe eu gosto?

 

  • Sobre gatos

Doris Lessing

Editora Autêntica

R$39,80

  • Relatos de um gato viajante

Hiro Arikawa

Editora Alfaguara

R$ 44,90

E-book R$ 29,90

  • O gato e as orquídeas

Kwong Kuen Shan

Estação Liberdade

R$ 28,00

As aventuras de Jajá

JajáNão virei a casaca não. O meu amor incondicional pelos cães continua intacto, mas admito que ao ler As aventuras de Jajá de Susana Schild pensei em adotar um gato.

A gatinha Jajá é a narradora desta história encantadora, que começa com ela caminhando vacilante em cima de um muro. De repente vem o tombo. Assustada e sem saber onde está Jajá começa a miar chorosa.  Seu lamento é ouvido por uma menina que com todo o cuidado a pega no colo, a leva para casa e lhe oferece um pires com leite.

O problema é que o pai de Luisa não concorda em ter mais um gato no apartamento. O outro gato é Nina, na verdade uma gata que enciumada não vê com bons olhos a chegada de uma concorrente.

Do mesmo jeito que Jajá encantou a menina, suas peripécias seduzem o leitor. Fiquei impressionada como um livro indicado para o público infantil pode me ensinar tanta coisa sobre os felinos. Por exemplo, eu não sabia que os gatos não gostam de portas fechadas e que são muito dorminhocos.

As aventuras de Jajá é o livro perfeito para as crianças que já adquiriram fluência na leitura e gostam de animais, principalmente de gatos.

Afinal, como resistir a um ronronar que na língua dos gatos quer dizer: Eu gosto de você.

 

  • As aventuras de Jajá

Susana Schild

ilustrações: Mika Takahashi

Editora Rocco (jovens leitores)

R$24,50

E-Book R$ 16,00

%d blogueiros gostam disto: