Dias (nem um pouco) Perfeitos

dias-perfeitos 2

Depois de passar algumas horas tensa e por vezes bem angustiada com a leitura de Dias Perfeitos, finalmente terminei o livro com um sorriso e um pensamento: Que história mais louca, muito louca mesmo!

Raphael Montes é um jovem escritor carioca com uma imaginação para lá de fértil. Já no primeiro parágrafo o leitor entra numa montanha russa e só quem tiver estomago forte conseguirá enfrentar as 274 páginas de um fôlego só. Eu não consegui. Por diversas vezes parei e pus o livro de lado, para logo depois ser vencida por uma curiosidade mórbida e  retomar sua leitura.

O personagem principal é Théo, jovem estudante de medicina, ensimesmado e com dificuldades de relacionamento não só com a mãe  mas também com colegas e professores. Théo só gosta de Gertrudes, o cadáver que disseca nas aulas de anatomia.

Desejando que o filho socialize um pouco mais, a mãe o obriga a acompanhá-la a um churrasco, mesmo sabendo que ele é vegetariano. Sentindo-se deslocado, Théo se afasta do burburinho da festa e é abordado por uma jovem ligeiramente ébria. Clarisse é amistosa, cheia de vida e pela primeira vez na vida ele se sente irremediavelmente atraído emocionalmente por uma mulher.

Trocam comentários banais, como o que cada um está estudando na faculdade. Clarisse diz que escreve um roteiro para cinema, Dias Perfeitos, e quem sabe um dia o mostrará para ele. Com um beijo rápido na boca despede-se de Théo, sem saber que um psicopata acabara de se apaixonar por ela.

Mil vezes me perguntei se estava gostando ou não do livro e se não seria melhor largar este suspense aflitivo. Por fim, venceu o autor, que me prendeu com seus diálogos ágeis, trama repleta de reviravoltas e final surpreendente.

 

  • Dias Perfeitos

Raphael Montes

Editora Companhia das Letras

R$ 35,00

E-Book R$ 24,50

 

6 Comentários (+adicionar seu?)

  1. jaraus
    fev 24, 2015 @ 10:52:52

    Li uns trechos e gostei. Um pouco. Acho que agora vou terminar.

    Responder

    • fagulhadeideias
      fev 24, 2015 @ 12:30:32

      O livro é bem aflitivo, mas a trama está tão bem amarrada e o final é tão surpreendente que vale a pena insistir.

      Responder

  2. Annon
    fev 24, 2015 @ 11:47:46

    Deu frio na barriga só em ler a descrição.
    Requer muita habilidade para dar tanto suspense e ansiedade ao leitor e, ao mesmo tempo, o instigar a continuar lendo.
    Certamente será indicado aos amigos que não são fracos do coração.

    Responder

  3. rosana lins
    fev 24, 2015 @ 19:52:00

    Fiquei muito curiosa e ao mesmo tempo …
    Pensativa : leio ou me poupo de tanto suspense!????? Kkkk vou decidir e te conto ! Bjs
    Enviado do meu iPhone

    >

    Responder

  4. fagulhadeideias
    fev 25, 2015 @ 08:13:02

    Quem avisa amigo é. 🙂 mas se quiser viver (ou ler) fortes emoções o livro é perfeito!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: