Fim? Quem disse?

FIM-Fernanda-TorresPor diversas vezes ergui as sobrancelhas e soltei interjeições de apreciação, enquanto lia FIM de Fernanda Torres.

Há quanto tempo um livro não me divertia tanto? Conheço e aprecio as inteligentes crônicas desta atriz multi facetada, mas não é que ela também escreve ficção de boa qualidade?  São apenas 201 páginas que se leem rapidinho e, no entanto, quem disse que queria fazer isso? Li e reli frases e parágrafos, encantada não só com a precisa escolha das palavras, mas também com o fino humor presente o tempo todo no texto.

A autora narra as aventuras pra lá de tórridas e os desgostos amorosos vividos por cinco amigos – nascidos e criados na Cidade Maravilhosa.

Se até então costumava olhar um idoso com a mesma candura que dedico às crianças, após ler FIM deixei de fazer isso. Joguei fora a imagem do velhinho encantador, cheio de sabedoria que foi sendo adquirida ao longo dos anos. Que vícios não poderão se esconder por trás de sua aparência frágil?

Os personagens de Fernanda Torres são rabugentos, neuróticos, cruéis, frustrados, degenerados, definitivamente não inspiram a menor simpatia, mas são tão humanos, tão reais, tão conhecidos!

Fim? Quem disse? Parabéns Fernanda Torres o seu romance de estreia é ótimo! Aguardo o próximo.

  • Fim

Fernanda Torres

Editora Companhia das Letras

R$ 34,50 

E-Book R$ 24,00

Não é um mar de rosas

A_EQUACAO_DO_CASAMENTOInvejo quem mora nas grandes cidades e tem acesso a mais opções de  festivais de cinema, peças de teatro, exposições e palestras do que eu. Diariamente recebo e-mails anunciando e convidando para vários eventos dos quais gostaria de participar. Mas será que se morasse num desses lugares usufruiria de tudo isso? Realisticamente acredito que não. Faltaria tempo, dinheiro e disposição para enfrentar os engarrafamentos intermináveis e estressantes, e terminaria por ficar em casa acompanhando à distância todos esses acontecimentos.

No entanto, como continuo curiosa com o que se passa “lá fora”, interessei-me pela palestra proferida pelo psicanalista e terapeuta familiar Luiz Hanns, na Casa do Saber do Rio de Janeiro. Nessa ocasião ele falou sobre o casamento contemporâneo e lançou  A equação do casamento – o que pode (ou não) ser mudado na sua relação. Se não pude assistir à palestra, pelo menos comprei o livro – o que fiz rapidamente – e não me decepcionei.

A partir dos depoimentos de vários casais – gente como a gente – o terapeuta prova que nos dias de hoje, para manter um relacionamento feliz, não basta apenas amar e ter boa vontade para enfrentar os problemas que inevitavelmente surgirão .

De forma simples enumera os fatores que corroem um relacionamento: a incompatibilidade de personalidades, os modos distintos de enfrentar as pressões externas do cotidiano, as diferenças do desejo sexual de cada parceiro, e outros mais. Por fim, convida o leitor a responder a um questionário que o auxiliará a perceber quais são os pontos fracos de seu relacionamento e a valorizar os fortes – afinal não há casal que não os tenha.

A leitura de A Equação do Casamento é recomendável  para quem vive junto há muito tempo, para os que ainda se encontram na fase mágica das descobertas e, também, para quem  ainda procura o parceiro (a) ideal. Afinal a maioria das uniões amorosas não é exatamente um “mar de rosas” e muitos “espinhos” poderiam ser evitados ou até mesmo eliminados se soubéssemos quais as armadilhas a serem evitadas e como desarmá-las.

  • A Equação do Casamento

Luiz Hanns

Editora Paralela

R$ 39,90 / R$ 27,90 (e-book)

A pata de macaco e muito mais

Antologia-da-literatura-fantastica

A capa era sedutora e os escritores responsáveis pela seleção das histórias – Adolfo Bioy, Casares Jorge Luis Borges e Silvina Ocampo – também, mas o tema da Antologia da Literatura Fantástica não era dos meus favoritos. Portanto, entre tantas outras opções que me atraiam mais, não tive interesse em adquiri-lo.

No final do mês passado meu marido fez anos e ganhou-o de presente (é fácil presentear o casal, um bom livro ou vinho agradam-nos em cheio). Conhecedor da minha paixão mostrou-me o que havia recebido. Desta vez apreciei melhor o projeto gráfico do livro editado pela Cosac Naify – além de vir com capa dura, traz uma fita para marcar a página e todas elas são emolduradas em azul marinho. Um caprichoso só! E o cheiro? Inebriante, um autêntico perfume, perfume de livro!

No total são setenta e cinco histórias – não só contos, mas também fragmentos de romance e peças de teatro. O início de cada uma vem com o nome do autor e uma breve apresentação do mesmo.

Despreocupadamente comecei a folheá-lo. Umas histórias são bem curtinhas, não chegam a cobrir meia página; alguns autores conhecia, a maioria não, mas, de repente, bati os olhos na minha história de terror favorita: A pata de macaco de W. W. Jacobs. Reli-a e mais uma vez senti um arrepio na nuca. Um clássico, simplesmente magistral!

Se ela fazia parte dessa antologia como seriam as outras? Uma história de terror podia ser misturada a outras de cunho sobrenatural ou fantástico? Pronto, estava fisgada! Discretamente coloquei-o na minha pilha de livros, meu marido tem outros para ler na frente, é bem possível que nem dê por falta dele. Prometo, juro, vou lê-lo rapidinho!

O destino governa a vida dos homens e ninguém pode se opor a ele impunemente.

                                                                                                                                          (W.W. Jacobs)

  • Antologia da Literatura Fantástica

Casares / Borges / Ocampo

Editora Cosac Naify

R$ 69,90

Marcoré

Ao terminar de ler MarcoréMarcoré mentalizei um agradecimento aos editores da Arqueiro por terem reeditado este livro publicado em 1957 e vencedor do prêmio melhor romance da Academia Brasileira de Letras. Especulei também quantas outras boas obras literárias não tiveram a mesma sorte e encontram-se esgotadas ou esquecidas – seria tão bom se reaparecessem, de novo, nas livrarias.

A história transcorre numa provinciana cidadezinha do interior paulista, onde os avanços do mundo exterior são vistos como modernidades excêntricas. As vidas transcorrem de forma pachorrenta, e cada um conhece e respeita o seu lugar na estrutura social do lugar. Mas não se iludam, por baixo dessa aparente tranquilidade as mais variadas emoções borbulham.

Quando já se conformara com os muitos anos de casamento estéril, a vida do narrador é chacoalhada com a chegada do primeiro e único herdeiro. O que deveria ser motivo de orgulho e alegria torna-se com o passar do tempo num fardo amargo, onde felicidade e frustração se chocam e oscilam em proporções desiguais.

Enquanto sofria as horas excruciantes do parto, sua mulher faz uma promessa que irá esfacelar irremediavelmente a vida do casal, até então tranquila e ajustada.

Lida com o olhar do século XXI a história pode parecer absurda e desnecessariamente trágica, mas a escrita do autor é firme, refinada e envolvente. Ela nos enreda de tal forma que é impossível largar este romance considerado um marco na moderna literatura brasileira de caráter psicológico.

  • Marcoré

Antonio Olavo Pereira

Editora Arqueiro

R$ 29,90

%d blogueiros gostam disto: