Cirandando com Nairzinha

Juntamente com mais outros 60 voluntários, terminei ontem o curso de “Contadores de Histórias”.

Oferecido pela Santa Casa de Misericórdia de Salvador, recebemos um aprendizado variado, que, com o auxílio da leitura, nos capacitou a minimizar o sofrimento de crianças que se encontram hospitalizadas.

Iniciado em abril, participamos de várias palestras e oficinas, todas de excelente qualidade. No entanto, foi com chave de ouro que encerramos o nosso aprendizado.

Idealizadora do Cirandando Brasil, projeto este que resgata a importância da brincadeira através da valorização do folclore brasileiro, Nairzinha Spinelli proporcionou-nos uma manhã e tarde de pura alegria e aprendizagem.

Brincando, Nairzinha esclareceu e recuperou a riqueza da cultura indígena, assim como daquelas que  foram trazidas pelos negros e portugueses.

Cantamos, dançamos, improvisamos teatralização, e relembramos jogos e brincadeiras de infância.  Rimos muito, e vi colegas chorarem de emoção por recuperarem boas lembranças há muito tempo esquecidas. Como poderíamos nos aproximar das crianças se havíamos esquecido o que era ser uma?

Antes de encerrar sua oficina “Memórias do Brincar”, Nairzinha sugeriu aos futuros contadores de histórias, a leitura dos seguintes livros:

História das crianças no Brasil –  Mary Del Priori – Editora Contexto R$ 65,00

História das mulheres no Brasil –  Mary Del Priori – Editora Contexto R$ 69,90

Uma História da Cidade da Bahia –  Antônio Risério – Versal Editores R$ 71,00

Brasil-Uma História –  Eduardo Bueno – Leya Brasil R$ 69,90

Dicionário do folclore brasileiro –  Câmara Cascudo – Global editora R$98,00

Casa grande e senzala –  Gilberto Freire – Global Editora R$ 98,00

(Casa Grande e senzala em quadrinhos – Global Editora R$ 45,00)

Um rio chamado Atlantico – Alberto da Costa e Silva – Editora Nova Fronteira R$ 49,90

O povo brasileiro – Darcy Ribeiro – Companhia de bolso R$ 29,50

Negros, Estrangeiros- Manuela Carneiro da Cunha – Companhia das Letras R$ 49,00

Notícias da Bahia–1850  de Pierre Verger – Editora Corrupio (esgotado)

Para aqueles que tiverem interesse em conhecer melhor o trabalho realizado por Nairzinha ou falar com ela, seguem seus contatos:

www.sonsdobem.org.br

nairzinha@nairzinha.com.br

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Luisa Piano Cannon
    set 14, 2012 @ 23:35:58

    Que maximo Paula! Adoraria ter feito esse curso.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: