Na serra de Petrópolis

Para fugir do calor que faz em Salvador durante o inverno – uma marcação sem sentido no calendário – subimos a serra de Petrópolis e nos refugiamos na Pousada da Alcobaça  em Correias.

Pousada-AlcobaçaChegamos no meio de semana, e a pousada era todinha só para o casal. Durante dois dias fingi que era a nossa casa de campo.

Cruzar o portão verde da pousada é como entrar em outra dimensão de tempo e lugar. A construção de 1914 oferece confortos modernos e encantos de antigamente; os jardins presenteiam os hóspedes com uma infinidade de flores variadas e coloridas e extensos gramados muito bem cuidados; a cozinha, ah… A cozinha é um capítulo à parte! Comida extremamente saborosa que une na perfeição simplicidade e requinte. Sobremesas deliciosas, preparadas com muitas gemas, ajudaram a matar a saudade dos doces da minha terra natal.

Mas a pousada oferece um outro deleite que faz meus olhos brilharem de prazer. Opções de muita leitura!

Em cima da cômoda do quarto ou na mesinha lateral do sofá – posicionado em frente à lareira da sala – estão empilhadas revistas estrangeiras falando de decoração, viagens e culinária. Revistas atemporais que fizeram recordar meus tempos de criança, quando em uma loja de brinquedos ficava sem saber qual deles escolher. Assim estava eu, um tanto zonza, sem saber que revista folhear primeiro.

Subindo as escadas que levam à antessala comum aos quartos, estantes abarrotadas com os livros da proprietária Dª Laura Góes, e outros que foram deixados pelos hóspedes, agradecidos pelas horas tranquilas de leitura que desfrutaram ali.

Há de tudo um pouco; policiais, bons romances de autores nacionais e estrangeiros, guias de viagem, livros de receitas… e um muito especial: A cozinha da Alcobaça – receitas e histórias, escrito pela própria Dª Laura.

Cozinha-da-Alcobaça

E como se conversasse com um amigo, a autora conta como transformou a casa, que pertencia à família do marido, em pousada; o início da vida de recém-casada nos EUA, onde aprendeu a cozinhar; dos seus utensílios favoritos “adoro panelas velhas. Acho que deveria haver um antiquário só de tralhas de cozinha”; das “professoras” – vizinhas, cozinheiras, avós, tias, e os livros de receitas de família – que lhe ensinaram a cozinhar com amor; e outras casos vivenciados com os hóspedes da pousada.

Na segunda parte do livro apresenta as receitas da pousada e ensina como empregar as ervas aromáticas, verduras e legumes, tudo colhido na horta que de tão bonita e variada parece ser a continuação do jardim.

A cozinha da Alcobaça – receitas e histórias transporta o leitor para uma época da qual sente saudades, mesmo sem a ter vivido, e o inspira a recriar em casa uma culinária afetuosa repleta de cheiros, sabores e delicadezas.

Uma leitura que merece, não apenas, ser apreciada, mas consultada – toda a vez que se deseja aquela comida especial, que coloca um sorriso nos lábios de quem a desfruta.

  • A cozinha da Alcobaça – receitas e histórias

Laura Góes

Editora Terceiro Nome

R$ 62,00

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Cristóvão Atherino
    jul 30, 2013 @ 08:58:24

    Muito boa a sua descrição da Pousada ! Faz a gente imaginar realmente um lugar paradisíaco para descanso e bons repastos ! Bj

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 366 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: